pt Portuguese
en Englishfr Frenchiw Hebrewpt Portuguesees Spanish

Tetsavê

A Ênfase É Nos Atos Espirituais

NO FINAL DA PORÇÃO, NÓS ENCONTRAMOS A ORDEM DIVINA DE CONSTRUIR UM ALTAR DE OURO, PEQUENO, CHAMADO DE “ALTAR DO INCENSO”.
Toque ou clique em cada trecho de texto e descubra outra parte.
[mpc_flipbox transition_duration=”500″ front_background_color=”#f5bf1c” back_background_color=”#333333″][mpc_flipbox_side title=”Front” tab_id=”1550252135266-5″]

Assim, no templo menor havia dois altares:

Um altar chamado de “altar externo” (“mizbeach hachitson”), que era de cobre e servia às oferendas diárias, e outro altar, dentro do Santuário, que era de ouro, pequeno, onde só se poderia trazer incenso. E quando o cohen trazia o incenso, ele tinha que estar sozinho com D’us, sem ninguém por perto. Ninguém tinha a permissão de entrar lá.

[/mpc_flipbox_side][mpc_flipbox_side title=”Back” tab_id=”1550252135347-3″]

Dizem os nossos Sábios que o corpo humano também é um templo em miniatura construído por D’us. Nele há um altar, que é o coração (lev, em hebraico). E no coração também encontramos dois níveis:

[/mpc_flipbox_side][/mpc_flipbox]
[mpc_flipbox transition_duration=”500″ front_background_color=”#f1f1f1″ back_background_color=”#f1f1f1″][mpc_flipbox_side title=”Front” tab_id=”1550252224106-7″]

1) a parte externa do coração e 2) a parte íntima do coração. Significa então que, no coração, existe um fogo, como no altar, que é o amor a D’us, o entusiasmo com que fazemos as coisas, com calor e emoção. Porém há dois níveis:

[/mpc_flipbox_side][mpc_flipbox_side title=”Back” tab_id=”1550252224201-0″]

1) o altar externo, ou a parte externa do coração, é para as coisas físicas, as oferendas físicas — comer, beber, passear, coisas importantes para saúde —, mas lá só existe um amor externo, superficial. Não se emprega toda a força e entusiasmo; é apenas a parte para oferendas físicas. 2) Quando se trata do amor interno do coração, isto significa amor por D’us, Torá, tefilá (reza), maassim tovim (boas ações) — quando a pessoa reza, estuda, se dirige a D’us, lá é preciso haver a parte íntima do coração, sem alarde, sem ninguém, apenas você com D’us.​

[/mpc_flipbox_side][/mpc_flipbox]
[mpc_flipbox transition_duration=”500″ front_background_color=”#f5bf1c” back_background_color=”#333333″][mpc_flipbox_side title=”Front” tab_id=”1550252314735-5″]

Trata-se de um amor íntimo, forte, com um entusiasmo máximo que precisa ser colocado nesta parte, que é o incenso espiritual, as nossas ações dirigidas a D’us.

[/mpc_flipbox_side][mpc_flipbox_side title=”Back” tab_id=”1550252314832-9″]

Se agimos desta forma, automaticamente, da mesma forma que a Presença de D’us pairava no Grande Templo, D’us estará abençoando os nossos feitos.

[/mpc_flipbox_side][/mpc_flipbox]